Lendas Gustavo Adolfo Bécquer

ISBN: 9789723707342

Published:

Paperback

374 pages


Description

Lendas  by  Gustavo Adolfo Bécquer

Lendas by Gustavo Adolfo Bécquer
| Paperback | PDF, EPUB, FB2, DjVu, AUDIO, mp3, RTF | 374 pages | ISBN: 9789723707342 | 7.43 Mb

«Gustavo Adolfo Bécquer é uma figura ímpar no romantismo castelhano. Viveu uma vida breve: nasceu em Sevilha, em Fevereiro de 1836, vindo a falecer em Madrid, sem completar trinta e cinco anos de idade, em Dezembro de 1870. Também a sua obra não éMore«Gustavo Adolfo Bécquer é uma figura ímpar no romantismo castelhano.

Viveu uma vida breve: nasceu em Sevilha, em Fevereiro de 1836, vindo a falecer em Madrid, sem completar trinta e cinco anos de idade, em Dezembro de 1870. Também a sua obra não é longa, quase se limitando a um volume de poemas publicado com o título de Rimas, que se encontra vertido em português, estas Leyendas e dois pequenos conjuntos de ensaios redigidos sob a forma epistolar, Desde mi celda e Cartas literarias a una mujer.As lendas de Bécquer decorrem, na sua longa maioria, nos tempos remotos da Idade Média peninsular, na esteira da moda romântica do tempo sintetizada por um estudioso becqueriano como o gosto pela ressurreição do passado histórico.Para conhecer este passado, Bécquer deambulou pela Espanha.

E ao vaguear pelo mundo, como um atormentado viandante em demanda da paz que a vida não lhe prodigalizou e da beleza que o seu génio revelou, encontrou três sítios de fascínio que para sempre o amarraram: Sevilha, uma saudade- Toledo, uma paixão- Soria e a serra do Moncayo, um alumbramento. É este o cenário privilegiado em que se animam as estátuas de pedra de igrejas e catedrais, em que ruínas e vielas guardam ciosamente os segredos do passado, em que o mistério das águas e das árvores, do vento e das ervas se confunde com um cântico de espanto perante a gratitude do bem e a violência do mal, a imensidade do espaço e o abismo do silêncio, a infinitude do tempo e do amor.Uma epígrafe poderia escolher-se para as Lendas de Gustavo Adolfo Bécquer.

A mais adequada é, sem sombra de dúvida, o primeiro verso das suas Rimas: Eu sei um hino gigantesco e estranho.»



Enter the sum





Related Archive Books



Related Books


Comments

Comments for "Lendas":


zasilatelstvi.com

©2010-2015 | DMCA | Contact us